A diferença de Messi para Pelé, Maradona, Beckenbauer e Zidane

Créditos da imagem: Jornal Extra

Um amigo disse que os vencedores são medidos por títulos, e os craques, pela qualidade. Concordo plenamente. É assim que podemos diferenciar um jogador mediano que ganhou uma Copa do Mundo de nomes como Sócrates, Falcão, Zico & cia, que encantaram o mundo, mas não levantaram a taça. O talento não se mede por conquistas, e sim por desempenho, apresentações memoráveis.

Por outro lado, é possível, com base nesse raciocínio, fazer uma comparação mais avançada, criando a categoria dos grandes craques-vencedores. Aí, Messi vai ter que dar licença a um grupo que mostrou saber unir talento a conquistas. Nesse time, estão, por exemplo, Pelé, Beckenbauer, Maradona, Zidane, Ronaldo Fenômeno e Garrincha.

Há algum tempo, escrevi aqui que Messi estava ainda muito longe do talento de Pelé. Justifiquei com as conquistas internacionais, a superexposição atual contra a precária transmissão de imagens de antigamente, o número de gols feitos etc. Muitos discordaram, mas mantenho a minha opinião, agora com mais firmeza.

Messi já é inesquecível, mas só entrará no panteão dos craques-vencedores se ganhar uma Copa pelo seu país. Se não aproveitar a próxima, na Rússia em 2018, que pode ser sua última chance, vai continuar a ser reverenciado, mas no nível de Cruyff, Puskas, Altafini, Didi Riva, Cristiano Ronaldo, Eusébio, entre outros. Não lado a lado de Pelé, Maradona, Beckenbauer, Zidane e outros membros de um restrito grupo. 1617953

Esse time que une os que conseguiram encantar e conquistar ainda é muito exigente e seletivo.

Leia também:

Por que Messi não é o Pelé da minha geração

17 comentários em: “A diferença de Messi para Pelé, Maradona, Beckenbauer e Zidane

  1. Falou muita besteira, não foi por causa de Messi que a Argentina não venceu, aliás Messi foi o único jogador do time que vestiu a camisa, que lutou, foi pra cima, apanhou até dizer chega, sob ele, por ser de fato o maior jogador da história, cai toda a responsabilidade de decidir a final, ainda mais com 23 anos de jejum da seleção argentina. Colocar num patamar abaixo de jogadores como Ronaldo e Zidane é coisa de quem desconhece futebol, de quem acompanha por cima e ainda tem a idéia de que os jogos entre seleções, geralmente jogos muito ruins devido a falta de entrosamento e ritmo dos times é o que realmente importa. Acompanhei a carreira desses 2 citados pois tenho já meus 30 anos e digo sem pestanejar, Messi independente de ter ou não uma copa, é muito mais jogador que ambos foram.. que inclusive são respectivamente o terceiro e segundo melhor que vi jogar.

    1. Eu nao disse que foi por causa de Messi que a Argentina não ganhou. E Ronaldo e Zidane estão entre os craques que foram vencedores com suas seleções. Messi não. É o relato de um fato.

  2. Fica um pouco difícil de analisar o Messi. Na seleção parece não se sentir a vontade. Maradona, Pelé, Garrincha, Ronaldo, Ronaldinho e Romário foram empolgantes. Messi está na relação onde estão Cruyf, Zidane, não menos craques também. Cada um na sua.

  3. Messi o maior de 1990 pra cá.

    Muito maior q Ronaldo e Zidane.
    Melhor q meu ídolo Romario.

    Certeza q melhor q o Maradona, mas n vi jogar.

    Agora Pele. ( se todos comparam geração por geração c ele…. no mínimo e um monstro, vi vídeos e sei q é, melhor do século passado)
    Messi o melhor deste século.

Deixe sua opinião e colabore na discussão