W3vina.COM Free Wordpress Themes Joomla Templates Best Wordpress Themes Premium Wordpress Themes Top Best Wordpress Themes 2012

Ainda sobre Jadson e Renato Augusto

jadson-renato

Créditos da imagem: Portal Terra

Um pouco tarde, mas ainda em tempo.

Sabe aquele tipo de discussão boba, que não leva a lugar algum?

Pois é, essa é mais uma delas.

Mas deixemos o mau humor de lado e entremos na onda.

Afinal, quem foi o melhor jogador do Brasileirão de 2015: Jadson ou Renato Augusto?

Bom, vamos lá…

Os números apontam para o primeiro, tanto nos gols como nas assistências. E de lavada. Já para a maior parte da imprensa especializada, o segundo levou a melhor. Há, ainda, os que dividiriam a premiação entre ambos, como Tite, o técnico brasileiro supra-sumo da atualidade.

Minha opinião é a de que Renato Augusto foi “o eleito” da maioria em razão da propagada importância tática que (efetivamente) tem na equipe. As trocas de função com Elias e a pecha de jogador moderno e dinâmico acabaram valorizando sobremaneira o renascido meio-campista.

Acontece que Jadson – assim como todo o elenco corintiano – também foi muito bem sob os aspectos de leitura de jogo, de preenchimento de espaços, de noção de unidade de equipe etc (esqueçam aquele meia estático e à moda antiga do São Paulo) e teve – e isso é irrefutável – participação muito mais decisiva nos jogos. Trata-se de um genuíno armador e definidor de jogadas. Ele, definitivamente mais do que Renato Augusto, fez o time produzir ofensivamente.

Em outras palavras, os dois foram ótimos, mas o diferencial foi Jadson, o protagonista do ataque corintiano.

Conjecturando: acredito que, se por algum motivo, o Corinthians não pudesse ter contado com Renato Augusto durante a competição, ainda assim poderia ter pensado em ser campeão nacional. Já sem o poder de decisão de Jadson, penso que a conquista teria sido um tanto improvável, razão pela qual este leva o meu voto.

Em tempo: a fim de temperar ainda mais a discussão, aquele que considero o melhor meia do futebol brasileiro atende, hoje, pelo nome de Lucas Lima, o meu camisa 10 para a Seleção Brasileira.

Ora, HABEMUS MEIAS!

E segue o jogo.

PS – a coluna foi inspirada na seleção do campeonato montada pela equipe do Sports Total, composta por uma galera da melhor qualidade. Vale a pena conferir!

 

 

O Comendador José Maria de Aquino
Públicos de Corinthians e Palmeiras foram das melhores notícias do ano no nosso futebol

Escrito por:

- possui 244 artigos no No Ângulo.

Natural de Brasília, mas residente em São Paulo desde que se conhece por gente, é um apaixonado por esportes e pela “sétima arte”. Jornalista e advogado, busca tratar o futebol com a descontração que lhe é peculiar, com o compromisso da boa informação e opinião consistente.


Entre em contato com o Autor

Deixe um comentário

Enquete

Qual o maior técnico brasileiro dos últimos tempos?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

Colunistas

Emerson FigueiredoEmerson Figueiredo

Formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero. Redator, repórter, pauteiro e editor-assistente da editoria de Esportes da Folha. Trabalhou também na Folha da Tarde, Agora São Paulo, BOL, AOL e UOL. Paulistano, acompanha de perto o futebol desde a época em que os camisas 10 dos grandes times paulistas eram Pelé, Rivellino, Gérson/Pedro Rocha, Ademir da Guia e Dicá.

Gustavo FernandesGustavo Fernandes

Juiz de Direito do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, não resiste a um bom debate sobre esportes, desde futebol até curling. São-paulino, é fundador e moderador do Fórum O Mais Querido (FOMQ). Não esperem ufanismos e clichês. Ele torce, mas não distorce.

Jorge FreitasJorge Freitas

“Prata da casa” oriundo da Coluna do Leitor, este internacionalista é tão louco por futebol que tratou do tema até em seu TCC. Mestrando em Análise e Planejamento em Políticas Públicas, neste espaço une o gosto por escrever com a paixão pelo esporte mais popular do mundo.

Fernando PradoFernando Prado

Natural de Brasília, mas residente em São Paulo desde que se conhece por gente, é um apaixonado por esportes e pela “sétima arte”. Jornalista e advogado, busca tratar o futebol com a descontração que lhe é peculiar, com o compromisso da boa informação e opinião consistente.

José Maria de AquinoJosé Maria de Aquino

Em seus mais de cinquenta anos de carreira, teve passagem marcante pelos principais veículos de comunicação do país, de todos os tipos de mídia, como Rede Globo, SporTV, Revista Placar, O Estado de São Paulo, Jornal da Tarde e Portal Terra. Além de um expoente do jornalismo esportivo brasileiro, também é advogado de formação.

Gabriel RosteyGabriel Rostey

Nascido dias após a seleção de Telê encantar o mundo e não levar o caneco na Copa da Espanha, esse paulistano é especialista em política urbana. Com formação em gestão do esporte, também encara apaixonadamente o futebol como fenômeno cultural.

Fernando GaviniFernando Gavini

Jornalista há 19 anos, já cobriu Copa do Mundo, NBA, Nascar, Pan, Mundial de vôlei, Copa do Mundo de ginástica, Libertadores e as principais competições do futebol nacional. Começou no A Gazeta Esportiva, passou pelo site do Milton Neves, Agência Estado, Agora São Paulo, Terra, ESPN e está na TV Gazeta. A trabalho, conheceu 8 países, 18 estados do Brasil e mais de 100 estádios.

Assinatura por e-mail

Arquivos

©2017 No Ângulo - Todos os direitos reservados