“Morangos Silvestres”: em 2054, uma autorreflexão do Sr. Robson de Souza, o Robinho

Créditos da imagem: Montagem/No Ângulo

Santos, 25 de janeiro de 2054

Olá, amigos fãs de futebol.

Meu nome é Robson de Souza, mas sou conhecido mesmo como Robinho.

Hoje, aniversário dos meus 70 anos, com toda a sabedoria que a idade me proporcionou, gostaria de externar, através destas linhas, uma reflexão que fiz sobre o que a vida me ensinou.

Bom, como todos sabem, eu apareci para o mundo do futebol em 2002, com as históricas pedaladas em cima do então lateral corintiano Rogério (um ótimo jogador, justiça seja feita). Daí em diante, tudo aconteceu muito rápido na minha carreira: Seleção Brasileira, Real Madrid, Manchester City, Milan, Liga dos Campeões, Copa do Mundo…

Por duas vezes – a primeira em 2010 e a outra em 2014 -, voltei da Europa para o Santos, sempre de olho na convocação da Seleção Brasileira. Em 2010, deu certo. Fui até titular naquela Copa do Mundo. Já em 2014, Felipão preferiu levar o Bernard… Fazer o quê?

Fato é que o Peixe sempre me fez bem, sempre levantou o meu astral e a atmosfera do clube sempre fez com que lá eu conseguisse ser o melhor que eu poderia ser. Um lugar em que eu era amado e reverenciado por todos, quase uma unanimidade.

Aliás, eu nunca fui tão realizado jogando futebol como eu era no Santos. Nunca!

Sabe aquele papo de ser o melhor do mundo pelo Real Madrid? Infelizmente nunca consegui chegar perto disso.

Pois é, eu era feliz e não sabia.

Pena que somente hoje, passados tantos anos, eu consigo enxergar que por algum dinheiro a mais (que no final das contas pouco fez diferença na minha vida) eu optei por, primeiro ir para a China (!) e, em um segundo momento, para um rival do “meu” Santos no Brasil – o Atlético Mineiro -, de maneira que acabei sendo ingrato com o clube que sempre amei e que nunca mediu esforços para contar comigo.

Poxa, eu dei as costas para o Santos no momento em que ele, todo endividado, mais precisava de mim.

Sem falar que decepcionei milhões de pessoas que me tinham como ídolo. E sentimento, meu amigo, ah, isso não se compra.

Foi ali o grande erro da minha vida. Não pelo Atlético, que me recebeu super bem e que realmente conta com uma torcida fantástica, como todos dizem. Só que lá, com o perdão do trocadilho, eu sempre me senti um galo fora do terreiro. Ou melhor, um peixe fora d´água. Afinal, eu fui, sou e sempre serei PEIXE.

Nunca vou me esquecer do dia 14 de maio de 2016. Era um Atlético Mineiro x Santos. Mesmo não tendo jogado aquela partida por estar contundido (ufa!), um sentimento horrível de culpa tomou conta de mim. E eu senti um vazio que, confesso, me levou às lágrimas. Acho que foi naquele momento que a ficha começou a cair.

A saudade bateu. Saudade do “ô-lê-lê, ô-lá-lá-lá, o Robinho vem aí e o bicho vai pegar”. Saudade da “Pretinha” no elevador da Vila Belmiro, de jogar conversa fora no “Bar do Alemão” que fica ali nas redondezas, da resenha com os parceiros do elenco, de acompanhar os vídeos do Rachid na internet depois dos jogos… Da cobertura do Peixe feita pelo Ademir Quintino, dos textos do Odir Cunha… Até das cornetadas do saudoso “Seo” Zito eu sinto falta! Hehehe

Saudade de Santos e do Santos.

Bons tempos… Se eu pudesse voltar atrás, jamais teria maculado a minha relação com esse clube que, em última análise, fez de mim o que sou. E é o clube que eu amo.

Afinal, “nascer, viver e no Santos morrer é um orgulho que nem todos podem ter”.

E segue o jogo.

Morangos Silvestres (título original em sueco: Smultronstället) é um premiado filme sueco de 1957, do gênero drama, escrito e dirigido pelo mestre Ingmar Bergman. O título original, em sueco, refere-se ao lugar (stället) onde se encontram morangos silvestres (smultron). Sinopse: O professor de medicina Isak Borg dirige com sua nora Marianne de Estocolmo a Lund para receber o grau honorário da Universidade de Lund por seus 50 anos de carreira. No caminho, relembra os principais momentos de sua vida, temendo a morte que se aproxima.

Leia também:

O especial Tévez e o comum Robinho

292 comentários em: ““Morangos Silvestres”: em 2054, uma autorreflexão do Sr. Robson de Souza, o Robinho

  1. O cara foi pra China pra ficar rico e quando volta vai atrás de mais dinheiro, é foda! Tomara que a aposentadoria dele seja pior que a do Ronaldo, não quero mais ele no peixe!

  2. Que texto perfeito ! Tinha tudo e todos o Robinho ! Preferiu virar as costas para o time que o fez vivo entre as lendas no futebol.
    Toda vez que voltou ,santos o ergueu novamente.
    Diego não faça quando voltar .

    1. Pelamor de deus santista, nao defenda o ganço, quer dizer arroganço, o cara e insuportavel laranja podre se acha e foi mais traira que o robinho, e sempre se comparou ao neymar, espero que esse xerifao maleducado que se acha um maestro refinado, nunca mais vista nosso manto sagrado!!!

  3. Robinho ta nem ligando pra nada, mó mercenário mesmo. Quem não se lembra em 2005, que ele forçou a barra pra sair, ficou 7 jogos sem jogar só pra ser negociado. Voltou em 2010 porque era banco no City e queria ir pra Copa, ainda veio ganhando milhões. Na boa santistas, não precisamos dele, nosso Santos é maior que Robinho, Neymar, Ganso, que todos eles. Respeitamos o que fizeram pelo nosso time, sou de 91 e o primeiro título que comemorei foi o de 2002, nunca vou esquecer, mas ele foi ingrato e mercenário. Espero que no jogo do returno, na Vila, ele jogue. Vou estar lá pra grita bem alto pra ele, que dinheiro não é tudo na vida.

    1. Como disse nosso amigo Douglas Yassuhiro Shimoze, sobre o Renato pura verdade, é digo mais Renato sim merece mais respeito Que o mercenário do Robinho, Além de estar jogando o fino da bola ⚽ o respeito que tem pelo Clube e de tirar o chapéu!!!

  4. Eterna pedalada, Robson obrigado pelo que vc fez pelo Santos, nuncs iremos esquecer, 2002 foi o ano que o Santos resurgiu pro futebol e voltou a ser respeitado e temido, mas é fato que de tempos em tempos vc esqueceu de tudo que o Santos fez por vc, boa sorte na vida irmão….triste pq em tempos que estamos carentes de ídolos no futebol, Neymar saiu pela porta da frente…enquanto isso PH , Arouca e VC ….DESMERECERAM o manto e machucaram a torcida, e como diz no hino é um orgulho que nem todos podem ter!

    1. De fato não iremos esquecer oque ele fez no passado, hoje oque ele é para o Santos Futebol Clube ? Sim, não é nada mais que um mercenário que trocou o clube do coração por outra equipe do mesmo país por 200 mil a mais no salário, o clube disse que precisava do atleta, tentou, tentou , tentou más o atleta mesmo sabendo da necessidade do clube optou por jogar em outro clube brasileiro só por que ganharia 200 mil a mais, pra quem entende um pouco da história do robinho no santos sabe que ele só enganou o clube, ele ia para os maiores clubes da Europa, ai os clubes se cansava dele e oque ele fazia ? Voltava para o santos para conseguir fama e voltar a jogar com os “grandes da europa” ai o santos o revelava e ele abandonava o clube quando o clube mais precisava e isso não foi apenas uma vez não. Ele já falou inúmeras vezes que só iria jogar em um time no Brasil que no caso era o Santos o suposto time do Coração, hoje ele foi para o Atlético por 200 mil a mais e só provou que é mercenário, para muitos já não restava dúvidas de que ele não passava de um mercenário e depois disso ficou extremamente claro, sempre tem alguns modinhas que se dizem torcedores do Santos que irão falar que o robinho não é mercenário, más isso é normal sempre tem esses desentendidos que só abre a boca para falar merda antes de pesquisar seria legal que eles no mínimo pesquisasse oque esse mercenário fez com o Santos Futebol Clube antes de defender essa MERDA.

    2. Entendo sua revolta, afinal quem ama o clube sabe que o Santos é maior que qualquer jogador, agora falar em torcedor modinha …falar merda? Opiniões meu caro, cada um tem a sua, antes de falar em torcedor modinha os mais jovens têm desfrutado de uma fase fantástica do SFC onde títulos e mais títulos chegam…eu sou de uma época onde tinha que aturar os torcedores do trio de lata debocharem de diversas formas, eu ia assistir aos jogos nos estádios mesmo quando não tínhamos chance alguma de ser campeão, eu fui forjado torcedor do Santos em uma fase negra de títulos e bons jogadores, o Robinho foi um divisor de águas de um passado de sofrimento e um presente de esperança, então antes de criticar quem tem um ponto de vista diferente saiba que não está falando com nenhum modinha, está falando com um Santista wue acompanha o SFC desde 1984!

    3. Pedro Rodrigues concordo com vc e faço uma mea culpa…pensei que o robinho fosse diferente do Diego mas não agora que eu percebi que o robinho é um mercenário e Diego Ribas da Cunha não é mercenário …Diego disse não ao Palmeiras …Agora o robinho disse não ao santos ..no camp mineiro ele foi vaiado pela torcida do galo e no santos ele não ia ser vaiado nunca e se perdesse a bola nos ia apoia-lo sempre …Minha idolatria pelo Robson de souza acabou quando ele disse sim pro atletico MG E Quer saber como diz na musica do safadão …bem feito pra vc robinho

    4. Segue o jogo. Eternamente grato. Até parece que alguém tem moral pra julgar uma opção profissional. Tds vezes que o cara voltou pro Santos ele recebeu atrasado. Mas é isso aí, cada um tem um limite de entendimento.

    5. Aki nos não ta falando apenas de salário porq dinheiro ele tem de monte 200 mil não conta dele num ia fazer muita diferença pelo ki ele ganha foi burro deixou de ser ídolo eternizado com o manto pra ser chamado de mercenário porq ele sabe tudo ki ele representava ao santos eo torcedores . escolha burra terminaria a carreira dele como um ídolo agora manchou tudo ki ganhou com o santos por dinheiro esse dinheiro ki ele ganha agora poderia ganha fora aposentando de outra forma no santos .

    6. Robinho nunca foi Santista, essa é a grande realidade. Santistas somos nós que sofremos com a traição, Robinho é mais um como tantos. Vale lembrar que ele não ganhou o campeonato de 2002 sozinho, o nome daquele jogo era o Diego se não tivesse se lesionado no começo do jogo, ele tambem não foi o “cara” em 2004 até porque ele passou muitos jogos fora porque sua mãe tinha sido sequestrada, o atacante naquela ocasião era o Basílio Carequinha, Robinho em 2011 não era o cara, era coadjuvante, os caras eram Neymar e Ganso, ou seja, nunca foi o cara no Santos, nunca carregou nas costas, sempre foi mais midiático do que jogador. Lamento por ele, que tambem não é o cara no galo, lá o cara é o Lucas Prato. 200 mil fazem diferença pra quem realmente não faz a diferença

    7. Aquele time de 2002 estava redondinho, o Robinho chamou a responsabilidade na final contra os gambás,pediu a bola no penalti sofrido no lance da eterna pedalada, e com a saída do Diego ele não se intimidou, outro lance marcante foi a arrancada dele no lance que ele passa a bola para o Elano no empate…seremos grato a ele como somos por tantos outros que ajudaram nosso Glorioso , mas ídolos de verdade são poucos…exemplo do Clodoaldo que a mais de um ano trabalha de graça por amor ao clube….mas amor verdadeiro mesmo é o nosso, torcedores apaixonados que acompanham e torcem pelo melhor do clube sempre, Santos sempre Santos, sempre contra tudo e contra todos, contra a midia que insiste em nos menosprezar, e os adversários que não aceitam o fato de sermos um Gigante , mesmo sendo o único não sediado em uma capital….

    8. Parabens amigo..pelo comentario esse é um torcedor de verdade…quem lembra o santos de 2002 era cotado para ser rebaixado e estava falido..se nao fosse aquela molekada ..a crise do time seria maior…valeu robinho pelos titulos …

    1. O Robinho nunca teria essa grandeza. Infelizmente, pois sou Santista e cada vez que vejo ele na TV penso como um atleta bem sucedido como ele trocou a idolatria de um time por pouco dinheiro como bem dito no texto. Ele se esqueceu do sequestro que sua mãe sofreu em 2004, e o apoio que o Santos deu, sem me alongar, nem sei dizer qual nome que se dá pra pessoas assim.

  5. Se vc olhar o quanto ele jogou pelo o Santos em nem um outro clube ele foi tão bem em 2002 lembro doque ele fez com o Corinthians kkkkk é em 2004 jogou demais outra vez é ai veio 2010 é outra vez ele brincava de jogar futebol é mesmo assim o dinheiro falou mais alto hoje é assim tirando os jogadores argentinos que joga por amor ao clube a maioria dos jogadores são assim

  6. A assinatura de contrato dele com o Galo marcou a cura do câncer do Santos. Um pesadelo que em todo início de temporada nos atormentava…Robinho vem ou não vem? Não veio! E dessa vez se foi de vez, me sentiria envergonhado em ver um dia este cidadão voltar a vestir a camisa do Glorioso Alvinegro Praiano, o Santos é e sempre será maior que qualquer jogador. Vila Belmiro solo abençoado, celeiro de craques. E segue o jogo.

  7. Texto, digno de aplausos! Sinceramente, gostaria que essa reflexão e posterior arrependimento não tardasse, quiça, alguns meses, afinal, o “moleque” tem o DNA do Santos FC, e ele, sabe disso.

    Robinho, cante, a musica do Rei (Roberto), “eu voltei agora “pra” ficar, porque aqui, aqui é o meu lugar”, e nos (santistas) deixaremos de cantar o samba da Bete Carvalho, “você pagou com traição, a quem sempre lhe deu a mão”.

    Volte, pedale, faça gols, e seja campeão, e tudo o mais, sera esquecido,afinal, o coração santista jamais esquece um de seus moleques da vila!

    Santos, sempre Santos !!

    1. Caralho vey é isso msm e chega a da dó. O cara ia morrer como idolo do Santos e hj n passa de um traidor, o dinheiro é foda vey quanto mais tem mais se quer, pena que ele escolheu esse cominho tinha td para ser tão idolatrado no futuro como Pelé é hj, vacilão!

  8. podia estar aqui e ter ganhado mais um título sem muito esforço, estar em maior evidência de mídia (mesmo o Santos ser odiado pela mídia paulista e pela Globo, não dá para comparar São Paulo com Minas)
    By by Robinho, agora só fica a linda lembrança das pedaladas e dos outros títulos que vc ganhou aqui.
    Santos é Santos …..
    berço de craques, aqui foi mais um numa grande lista de grandes raios que aqui cairam e miitos outros cairão.

    1. Ñ da pra comparar são paulo com Minas msm ñ perderam pro reservas ontém mal mal tem torcida ainda são paulo será eliminado na libertadores realmente ñ tem como comparar SP com MG kkkk piada

  9. Esse mercenário que me fez virar santista… Quando era criança mesmo sem ter nenhum parente santista pra me influenciar, me apaixonei por esse time quando vi esse mercenário jogar. Espero que o diego não repita o que fez o robinho, e mantenha vivo seu status de idolo

  10. Robinho não faz parte Santos, ele virou cara para Santos, segue sua vida , que aqui você não é nada nada!!!! É só velho jogador que um dia foi bom???? Dinheiro não é tudo em nossas vida, e quando você tem muito aí que não faz muita diferença, olha que era você?

  11. Então Galera mais vocês esquecem quanto tempo ele ficou sem receber pelo peixe? Ele não fez iqual o Arouca , mena , aranha , e dentre outros lixos que protestaram contra nosso peixe. Alguém se lembra que o Robinho ficou 8 meses sem receber salário? E mesmo com tudo isso ele ficou e nos deu o título em cimo dos porco. Vocês ai trabalhariam sem receber NADA em 8 meses apenas por amor ? Robinho eterno ídolo e se voltar que venha pois aqui sempre sera sua casa!

  12. ola sou do futuro é vim avisar que o santos, ganhou o jogo citado no texo, chupa robinho mercenario

  13. É que os fracos abandonam o barco primeiro, o Santos não precisa e não vai precisar do Robinho, mais pra estar em evidência, o Robinho sempre vai precisar do Santos!

  14. Aguardo na memória a imagem do Robinho de ,2002 de 2010 , pq parar pra pensar nesse Robinho de hoje da náuseas e muita decepção , um amante do futebol que se tornou um lixo de ser humano , só lamento por ele…. Mas a vida há de lhe dar o que realmente merece !!! ….Adeus Robinho e por favor não volte nunca mais!!!

  15. Simplesmente fantástico ! Parabéns pra quem escreveu. Realidade pura, certeza que nessa data no futuro ele estará nessas condições. Se perguntados o porque fez isso. Sem palavras mesmo…

  16. Esse Robinho atual não tem futebol e nem força física pra jogar no Santos infelizmente, e foi melhor ter ido pra minas,o que fica são as lembranças de um tempo bom que não volta mais….Santos Sempre Santos.

  17. O Robinho veio da extrema pobreza e na sua infância passou por inúmeras dificuldades, inclusive o descaso dos próprios pais. Talvez aí esteja essa falta de gratidão, ele não sabe o que realmente significa família. A única coisa que realmente ‘ajudou’ ele na vida foi o dinheiro, por isso ele preza tanto pela riqueza.

  18. Aí rapaziada, presta bem atenção, vocês viram Airto lira,Pita,João Paulo,Marola,Chulapa,Almir, Guga,P.Maclaren, Vocês não foi na final de 84,vocês não viram um SANTOS e flamengo em 83,vocês não estava em 78 no Morumbi SANTOS CAMPEÃO paulista quando o paulista valia,eu vi a discoteca, eu vi a primeira geração dos meninos da vila, os verdadeiros MP, aí vocês estão preocupados com. Robinho,Caramba Juary,eu vi jogar era 10 vezes melhor que Robinho, mas até então naquela época não tinha o que tem hoje. O nosso SANTOS é revelador,em 78 a TJS desceu as arquibancadas do Pacaembu e cantava assim ada,ada,ada põe a molecada, vamos esquecer o Robinho. Aqui é SANTOS.

  19. Fernando Prado parabéns pelo texto. Cheguei a sentir a dor do Robson lendo esse relato.
    Enfim, foi assim que ele quis…

  20. Robinho aquele título de 2002 só quem estava lá sabe o quanto vc foi importante,mas fique sabendo que o santos fez muito por vc mnas piores horas da sua vida te recebendo de braços sempre,mas na hora que mas precisamos de vc nos virou as costas pois o dinheiro falou mais alto mas fique sabendo que nenhum jogador no mundo é maior do que a instituição SANTOS FUTEBOL CLUBE mas Deus o abençoe na sua trajetória

  21. Confesso que estou puto da vida com o Robson, mas jamais esquecerei aquelas 8 pedaladas, o bi campeonato brasileiro e o vice da liberta. Óbvio que ele não joga sozinho mas foi o grande expoente daqueles 3 anos. Tenho mais motivo pra agradecer do que condenar, então… boa sorte pedalada

  22. Não vai ganhar nada no atlético , também não tá jogando nada , anda em campo , não tem arranque nem força no chute , quando erra e vaiado pela torcida do galo carijó , time sem título , não conseguiu nem passar das semi final do mundial de clubes , perdeu pro time de casa branca , rs , vai sair pros bambis na libertadores , perdeu o mineiro pro América e no brasileiro com esse time vai brigar por uma vaga na libertadores , título duvido , ainda mais q o ídolo é melhor jogador do time e o argentino Lucas prato ( diga se a verdade joga muito , deveria ser naturalizado brasileiro e ir pra seleção ) não ele Robinho . É o Santos , Santos é campeão de novo e se manter o time , e o melhor time do Brasil disparado , com o ataque todo na seleção !

  23. Q não volte nunca mais…..muito obrigado pelos serviços prestados que na verdade nunca foi de graça….hora que precisamos de vc virou as costas para o clube…. Vc era rei de Santos….agora só é um jogar vitorioso que passou por aqui…..azar o seu…..é um orgulho q nem todos podem ter…..

  24. Infelizmente não voltou mais uma vez para o Santos. Só que desde quando voltou em 2014, nunca chegou perto do jogador que foi em 2005. E sempre está se machucando em jogos decisivos. Vai ficar de fora do jogo de volta da libertadores do galo contra o São Paulo. No final das contas, foi bom para o Santos, economizou o salário astronômico dele.

  25. Tomará q um dia ele se arrependa e venha pedir publicamente desculpas ao SANTOS….mais se ele não vier pedir desculpas desse jeito, q ele jogue onde ele quiser e q esse seja o fim dele….excelente reflexão Fernando Prado…..todos nós esperamos que um dia ele venha pedir desculpas em público para todos nós e conserte esse erro jogando em alto nível com a camisa do SANTOS e venha nos dar muitas alegrias.

  26. É que o robinho foi engrato foi .mais essa diretoria do Santos últimos anos e o marquet do santos horrível o toma que mais revelou jogadores nos último anos mais que todos os times juntos tô falando de craques pq jogadores comuns tem de bacia sem patrocínio deste 2013 mesmo com net mar voando compra aquele bosta do Damião pq bao trouxe outra pessoa identificada com o clube até dói ou três jogadores dava mais não trouxe ele a peso de ouro um cara no meu ver jogador mediano pra normal deixaram ir embora jogadores bons por causa de uma micharia uso o falando do mundo do futebol pq pra mim uma furtuna da não sei pq muita parte dos jogadores a investidoresbrasileiros e agentes pq na hora de pagar o salário eles não pagam pela porcentagem deles tipo Lucas Lima só 10% di santos então o santos tinha que pagar só 10% do salário dele maus não paga tudo se o jogador machucar paga tratamento todo mais quando vende só pega uma porcentagem e o contrato que fazem só fud endividamento o Santos .eu amo o Santos maus a anos está sem presidente marquet e advogados ra pior governado do que o Brasil

  27. Texto sensacional!!! Quero viver para ler isto escrito pelo próprio Robinho, esse que foi meu primeiro ídolo e agora não é mais… isto porque ninguém é maior do que o meu Santos!!!! “Com o Santos, onde é como ele estiver”

  28. Agora não sei o que acontece com o Santos , poderia iniciar o campeonato ganhando do time reserva do Atlético tá aí o pensamento medíocre de uma direção que vive apenas o presente e não pensa no futuro porque daqui a pouco quem terá o time reserva e o Santos com todos seus jogadores indo para Europa e China .

  29. Pra quem não tem NET “so Face, DA CLARO

    Santos, 25 de janeiro de 2054

    Olá, amigos fãs de futebol.

    Meu nome é Robson de Souza, mas sou conhecido mesmo como Robinho.

    Hoje, aniversário dos meus 70 anos, com toda a sabedoria que a idade me proporcionou, gostaria de externar, através destas linhas, uma reflexão que fiz sobre o que a vida me ensinou.

    Bom, como todos sabem, eu apareci para o mundo do futebol em 2002, com as históricas pedaladas em cima do então lateral corintiano Rogério (um ótimo jogador, justiça seja feita). Daí em diante, tudo aconteceu muito rápido na minha carreira: Seleção Brasileira, Real Madrid, Manchester City, Milan, Liga dos Campeões, Copa do Mundo…

    Por duas vezes – a primeira em 2010 e a outra em 2014 -, voltei da Europa para o Santos, sempre de olho na convocação da Seleção Brasileira. Em 2010, deu certo. Fui até titular naquela Copa do Mundo. Já em 2014, Felipão preferiu levar o Bernard… Fazer o quê?

    Fato é que o Peixe sempre me fez bem, sempre levantou o meu astral e a atmosfera do clube sempre fez com que lá eu conseguisse ser o melhor que eu poderia ser. Um lugar em que eu era amado e reverenciado por todos, quase uma unanimidade.

    Aliás, eu nunca fui tão realizado jogando futebol como eu era no Santos. Nunca!

    Sabe aquele papo de ser o melhor do mundo pelo Real Madrid? Infelizmente nunca consegui chegar perto disso.

    Pois é, eu era feliz e não sabia.

    Pena que somente hoje, passados tantos anos, eu consigo enxergar que por algum dinheiro a mais (que no final das contas pouco fez diferença na minha vida) eu optei por, primeiro ir para a China (!) e, em um segundo momento, para um rival do “meu” Santos no Brasil – o Atlético Mineiro -, de maneira que acabei sendo ingrato com o clube que sempre amei e que nunca mediu esforços para contar comigo.

    Poxa, eu dei as costas para o Santos no momento em que ele, todo endividado, mais precisava de mim.

    Sem falar que decepcionei milhões de pessoas que me tinham como ídolo. E sentimento, meu amigo, ah, isso não se compra.

    Foi ali o grande erro da minha vida. Não pelo Atlético, que me recebeu super bem e que realmente conta com uma torcida fantástica, como todos dizem. Só que lá, com o perdão do trocadilho, eu sempre me senti um galo fora do terreiro. Ou melhor, um peixe fora d´água. Afinal, eu fui, sou e sempre serei PEIXE.

    Nunca vou me esquecer do dia 14 de maio de 2016. Era um Atlético Mineiro x Santos. Mesmo não tendo jogado aquela partida por estar contundido (ufa!), um sentimento horrível de culpa tomou conta de mim. E eu senti um vazio que, confesso, me levou às lágrimas. Acho que foi naquele momento que a ficha começou a cair.

    A saudade bateu. Saudade do “ô-lê-lê, ô-lá-lá-lá, o Robinho vem aí e o bicho vai pegar”. Saudade da “Pretinha” no elevador da Vila Belmiro, de jogar conversa fora no “Bar do Alemão” que fica ali nas redondezas, da resenha com os parceiros do elenco, de acompanhar os vídeos do Rachid na internet depois dos jogos… Da cobertura do Peixe feita pelo Ademir Quintino, dos textos do Odir Cunha… Até das cornetadas do saudoso “Seo” Zito eu sinto falta! Hehehe

    Saudade de Santos e do Santos.

    Bons tempos… Se eu pudesse voltar atrás, jamais teria maculado a minha relação com esse clube que, em última análise, fez de mim o que sou. E é o clube que eu amo.

    Afinal, “nascer, viver e no Santos morrer é um orgulho que nem todos podem ter”.

    E segue o jogo.

  30. O Robinho sempre terá o meu respeito por tudo o que ele fez enquanto vestiu a camisa do peixe aquele título de 2002 foi inesquecível,porém eu acho que ele fez a melhor escolha ter ido para o Atlético afinal de conta eu acho que hoje ele não vale todo esse salário que o Atlético está pagando a ele!

  31. Lindo texto, parabéns, agora ontem ele não chorou, pois estava preocupado com o celular, o filmaram umas 3 vezes e nas 3 estava no celular. Lamento por ele pois tenho certeza que se tivesse retornado pro SANTOS, seria até final de sua vida a certeza de ser amado em SANTOS, não o crítico por ter ido a China, afinal era um salário astronômico, mas fazer leilão com o SANTOS, e depois esnobar, a isto foi o fim.

  32. O sentimento como santista é de choro, de ver o cara me transformou em Santista com eternas pedaladas em 2002, manchar de um jeito fútil a linda história com o clube.

  33. o cara ta certo! nao tem essa o clube sempre sera maior que o jogador,cara tem ganhar dinheiro mesmo tem que aproveitar torcida é ingrata o mesmo que canta é o mesmo que vaia que xinga e cospe! Vc ganha 2.000 na sua empresa e vem a concorrente lhe oferece 4.000….resumindo o cara ta certo!

  34. Excelente crônica.
    Pena que talvez esses não sejam os sentimentos do Robinho e no fim das contas, o dinheiro é o que realmente o completa…
    Porém… Nosso SANTOS é infinitamente maior que qualquer atleta…. E segue o jogo.

  35. Do amigo e grande historiador do Santos, Wesley Miranda: “Uma enorme curiosidade… essa não será a primeira vez que o Robinho enfrentará o Santos!!! Enfrentou em 2003 pela Seleção Olímpica, e venceu por 3 a 1 com gol dele!

  36. Não tenho expectativas com ex-jogadores do Peixe. O único patrimônio que temos se chama BASE, a melhor BASE DO PAÍS E TALVEZ DO PLANETA TERRA, e é só isso que deve importar. Depois que o cara sai, e vai viver a vida dele, vai caçar dinheiro e quanto mais melhor. Só esquecem que o futebol acaba, e aí ele vai precisar de uma casa para voltar, um lugar para se sentir não somente respeitado, mas sim amado, e daí não encontram esse lar. Depois da venda, são decepções… Já com a BASE são só alegrias. Ela está no nosso DNA, só nós o temos.
    Bora olhar para frente, e deixar que o olhar para trás fique por conta de Robinhos e Diegos da vida. O Santos é ETERNO.

  37. Rogério Casseb Ricardo Silveira Bicudo Daniel Aleixo Anderson Medeiros Carlos Eduardo Scarpim Matheus Munhoz Marcus Vinicius de Moraes Homero Mariano de Carvalho Mario Henrique Fabricio Rogerio Graciano Rafael Carvalho Rafael Oliveira

Deixe sua opinião e colabore na discussão