O choro de Lucas Lima pode impulsionar o Santos no Brasileirão

Créditos da imagem: santosfc

Há pouco mais de um mês, escrevi que Lucas Lima passava a impressão de ter sentido o golpe por não ter sido negociado com um gigante europeu.

O ótimo desempenho que até então marcava a sua trajetória no Santos (desde que virou titular, após a saída de Oswaldo de Oliveira, tornou-se o grande destaque do time e merecidamente chegou à Seleção Brasileira) virou poeira e o que se viu foi alguém aparentemente deslumbrado e mais preocupado com os fatores extracampo.

E não por acaso, o futebol do Peixe também despencou. Sem o seu principal jogador nas melhores condições (justiça seja feita, ele também teve problemas físicos na temporada), o time de Dorival oscilou e não tem mais conseguido repetir o bom desempenho de outrora, vez que o meia é peça-chave no sistema de jogo do treinador.

Só que a janela de transferências internacionais fechou. Assim como o cerco ao maestro santista, que agora vê do banco de reservas Renato Augusto tomar o espaço que julgava ser dele no escrete canarinho.

E como se não bastasse, também vê parte de sua torcida magoada com o seu desejo escancarado de sair (é complicado ser sincero e abrir o coração no futebol ou não? Melhor – e mais inteligente – se fingir de morto como fez Gabigol até a sua negociação com a Inter de Milão ser sacramentada) e que, de maneira radical e intolerante, chega a pedir pela escalação do (apenas) correto Jean Mota em seu lugar, “afinal, ele bate escanteios melhor do que Lucas Lima”. É mole?

De maneira que o competente Dorival Júnior tem um problema para administrar. Para sua sorte, um problema que pode virar solução. Explico: resgatar o futebol de Lucas Lima é resgatar a chance de o Santos ter um bom final de temporada. O sucesso do Peixe passa muito pelo reencontro do talentoso jogador com o seu bom futebol.

E o primeiro passo pode ter sido dado pelo destino: após ter sido absurdamente expulso contra o Internacional (a arbitragem de Rodrigo Raposo naquela partida foi um atentado à credibilidade do nosso futebol), Lucas Lima chorou. E assim se mostrou humano, demonstrando que ainda se importa, que tem caráter e que está incomodado.

Contra o líder do returno Botafogo (!), eis a chance de Lucas Lima voltar a ser… Lucas Lima.

Assim espera o torcedor do Santos.

E segue o jogo.

13 comentários em: “O choro de Lucas Lima pode impulsionar o Santos no Brasileirão

    1. Esse ano já era, negócio é pensar em 2017. Ter até tem. Eduardo Batista ótimo treinador mas deve ir para o corinthians, Roger está bem perto de ser mandado embora fez um bom trabalho no grêmio e tem o Abel Braga que está no exterior. Continuar com um treinador Covarde que tem medo de jogar fora de casa no máximo que vamos conseguir é um Paulista e se.manter na primeira divisão.

      1. Roger? Zoação né? Abel Braga é mais do mesmo e ganha um salário muito alto. Eduardo Batista é uma boa aposto, mas só isso. Viu o jogo contra o Corinthians, mexeu mau? Com medo? Torcida que só reclama…

  1. Acho que o Lucas Lima é o melhor jogador do país, mas parece que realmente se perdeu nos últimos tempos. Todo mundo (santistas incluídos) está com um pouco de birra dele.

    Uma pena, porque acho que seria tudo pra ser titular da Seleção e ajudar a elevar o padrão do time.

Deixe sua opinião e colabore na discussão