O jogo pelo ano… de 2019

Créditos da imagem: Fox Sports

Corinthians e Cruzeiro entram em campo hoje para definir quem será o campeão da Copa do Brasil de 2018

Depois de faturarem seus respectivos estaduais e decepcionarem tanto na Libertadores, quanto no Brasileiro, os clubes têm agora a última oportunidade não apenas de levantar um grande caneco nessa temporada, mas de não serem mero coadjuvantes em 2019.

Com o G-6 distante e com apenas Palmeiras e Grêmio podendo conseguir uma vaga na Libertadores por um caminho diferente, o Brasileirão deste ano entregará menos vagas do que entregou no ano passado. Isso significa que ou Cruzeiro ou Corinthians, dois dos maiores clubes brasileiros e acostumados com o torneio sul-americano, ficará de fora da competição no ano que vem.

Seria um abalo não somente para os cofres do time perdedor, como também para o orgulho da torcida, já que seus maiores rivais (tanto Palmeiras e São Paulo, quanto Atlético Mineiro) bem provavelmente jogarão pela América em 2019.

É claro que levantar a Copa hoje vale muito tanto para a história quanto para o momento atual dos clubes, especialmente para o alvinegro, que briga para não cair no Brasileirão.

E tudo isso sem falar na premiação de 50 milhões de reais que, se não resolve a situação corintiana, ajuda bastante, assim como o faz pelo Cruzeiro.

O favoritismo, apesar do jogo em Itaquera, é todo do Cruzeiro, porque Mano Menezes, quando resolve não tomar gol, costuma ser teimoso, e o Corinthians, com Romero, Vital e Clayson não machuca ninguém.

É o jogo deste ano, que entra para a história, mas que vale muito também para o ano que vem.

Deixe sua opinião e colabore na discussão