W3vina.COM Free Wordpress Themes Joomla Templates Best Wordpress Themes Premium Wordpress Themes Top Best Wordpress Themes 2012

Ronaldinho Gaúcho é bom para o Brasileirão. Mas e para o Fluminense?

FOTOS-Ronaldinho-Gaucho-Fluminense-FOTOAlexandre_LANIMA20150711_0129_39

Créditos da imagem: LANCE!NET

Agora é oficial. Ronaldinho Gaúcho é do Fluminense!

Como normalmente acontece (que o digam os palmeirenses e os gremistas) nas negociações que envolvem Assis – irmão e empresário de Ronaldinho –, o leilão foi feito, o jogador quase assinou com o Vasco da Gama, mas, após uma reviravolta, enfim foi anunciado pelo tricolor carioca.

E junto do inevitável entusiasmo, já que o R10 é um jogador histórico do futebol brasileiro e mundial e um verdadeiro artista da bola, surgem as dúvidas: será que ele ainda tem ânimo pra atuar em primeiro nível? Como estará a sua forma física após um ano atuando de maneira irregular (foi reserva em grande parte dos jogos) pelo Querétaro, do México? Ele e o estático (mas competente goleador) Fred cabem na mesma equipe? O ex-craque do Barcelona aceitaria eventual reserva e se enquadraria no esquema de futebol solidário tão bem empregado por Enderson Moreira desde a sua chegada? Por fim, Ronaldinho Gaúcho seria uma boa influência aos meninos de Xerém, aparentemente talentosos, mas que ainda precisam ser lapidados?

Ao longo dos anos, percebi e aprendi que não devemos ser taxativos no futebol. Há muitas nuances e detalhes por vezes subjetivos que podem fazer com que algo dê certo ou errado, principalmente quando se trata de um jogador com potencial inquestionável como Ronaldinho, um dos maiores de todos os tempos.

No entanto, penso que as evidências devem ser escancaradas, e imagino que tudo leva a crer – seja pelo estilo de vida adotado pelo jogador, muito diferente do que se pode imaginar para um atleta de elite, seja pelo ano passado com poucos jogos e baixo rendimento – que o Fluminense entrou em uma barca furada, ainda mais se considerarmos que a equipe parece “encaixada” e hoje é a vice-líder do Campeonato Brasileiro.

Talvez para um time sem grandes aspirações na competição deste ano, como o próprio Vasco, ou um Coritiba, a contratação de Ronaldinho fizesse mais sentido e gerasse mais frutos.

Caso minha previsão se confirme, que o Fluminense saiba ao menos desfrutar do ainda grande potencial de marketing do ex (?) craque e potencialize a sua campanha de fidelização de novos sócios-torcedores, já que é inegável que um jogador dessa magnitude gera impacto, vende camisas e aumenta o público e interesse por qualquer competição que venha a disputar.

O Brasileirão agradece!

E segue o jogo.

A melhor rodada do Brasileirão 2015
No ciclo rubro-negro, Cristóvão Borges é o atual zumbi

Escrito por:

- possui 223 artigos no No Ângulo.

Natural de Brasília, mas residente em São Paulo desde que se conhece por gente, é um apaixonado por esportes e pela “sétima arte”. Jornalista e advogado, busca tratar o futebol com a descontração que lhe é peculiar, com o compromisso da boa informação e opinião consistente.

Entre em contato com o Autor

13 respostas para “Ronaldinho Gaúcho é bom para o Brasileirão. Mas e para o Fluminense?”

  1. Ricardo disse:

    Concordo que ele daria um belo ânimo para uma equipe que vai de mal a pior, como é o caso o Vasco… Porém, numa equipe entrosada e que faz um belo campeonato, como o Fluminense, acho que ele pode por tudo a perder. Indiscutível no entanto, que para o campeonato será ótimo.

  2. Djair disse:

    Joga mto! E em terra de cego…

  3. Vicente Prado (Coluna do Leitor) Vicente disse:

    Baladeiro enganador!

  4. Ronald disse:

    Será ótimo para agitar as baladas cariocas!!!

  5. Ja era. Nao tem comprometimento. Esta muito rico. E os outros jogadores vao se sentir inferior e vao passar a jogar menos pelo salario alto dele.

  6. Clr q é bom para o fluzao.

  7. Renan Souza disse:

    E o flu é bom pra ele??

  8. ele so vai presta quendo ganhar o brasileirao e copa do brasil no atletico foi assim ele nao prestava mais

  1. […] que dessa vez, a polêmica partiu do Fluminense, que após anunciar a contratação de Ronaldinho Gaúcho, decidiu apresentá-lo exatamente contra o Vasco, que há algumas semanas estava otimista em contar […]

  2. […] do mundo foi um dos atletas mais importantes e talentosos de todos os tempos. Mas, a essa altura, o seu baixo rendimento não era difícil de se prever e acredito que não há marketing tão competente que consiga encobrir isso. R10 é hoje um […]


Deixe um comentário

Enquete

Qual o maior técnico brasileiro dos últimos tempos?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

Colunistas

Gabriel RosteyGabriel Rostey

Nascido dias após a seleção de Telê encantar o mundo e não levar o caneco na Copa da Espanha, esse paulistano atua e segue aprofundando estudos nas suas principais paixões: futebol e cidades. Especialista em gestão do esporte, como jornalista também encara o futebol como fenômeno cultural.

Emerson FigueiredoEmerson Figueiredo

Formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero. Redator, repórter, pauteiro e editor-assistente da editoria de Esportes da Folha. Trabalhou também na Folha da Tarde, Agora São Paulo, BOL, AOL e UOL. Paulistano, acompanha de perto o futebol desde a época em que os camisas 10 dos grandes times paulistas eram Pelé, Rivellino, Gérson/Pedro Rocha, Ademir da Guia e Dicá.

José Maria de AquinoJosé Maria de Aquino

Em seus mais de cinquenta anos de carreira, teve passagem marcante pelos principais veículos de comunicação do país, de todos os tipos de mídia, como Rede Globo, SporTV, Revista Placar, O Estado de São Paulo, Jornal da Tarde e Portal Terra. Além de um expoente do jornalismo esportivo brasileiro, também é advogado de formação.

Gustavo FernandesGustavo Fernandes

Juiz de Direito do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, não resiste a um bom debate sobre esportes, desde futebol até curling. São-paulino, é fundador e moderador do Fórum O Mais Querido (FOMQ). Não esperem ufanismos e clichês. Ele torce, mas não distorce.

Jorge FreitasJorge Freitas

“Prata da casa” oriundo da Coluna do Leitor, este internacionalista é tão louco por futebol que tratou do tema até em seu TCC. Mestrando em Análise e Planejamento em Políticas Públicas, neste espaço une o gosto por escrever com a paixão pelo esporte mais popular do mundo.

Fernando PradoFernando Prado

Natural de Brasília, mas residente em São Paulo desde que se conhece por gente, é um apaixonado por esportes e pela “sétima arte”. Jornalista e advogado, busca tratar o futebol com a descontração que lhe é peculiar, com o compromisso da boa informação e opinião consistente.

Fernando GaviniFernando Gavini

Jornalista há 19 anos, já cobriu Copa do Mundo, NBA, Nascar, Pan, Mundial de vôlei, Copa do Mundo de ginástica, Libertadores e as principais competições do futebol nacional. Começou no A Gazeta Esportiva, passou pelo site do Milton Neves, Agência Estado, Agora São Paulo, Terra, ESPN e está na TV Gazeta. A trabalho, conheceu 8 países, 18 estados do Brasil e mais de 100 estádios.

Assinatura por e-mail

Arquivos

©2017 No Ângulo - Todos os direitos reservados