O “fenômeno” Danilo

Créditos da imagem: goal.com

Revelação do América Mineiro, Danilo ganhou destaque nacional no Santos de Neymar e Ganso (quando era volante de um time em que Jonathan era o dono da lateral-direita) e, desde 2011, quando foi negociado para o Porto, vem construindo carreira de destaque na Europa.

Com físico privilegiado (no melhor estilo Apodí), não demorou a despertar o interesse do todo-poderoso Real Madrid.

Afinal, quem não quer um jogador moderno (“parece que tem dois pulmões”, diria o outro) e que cumpre N funções dentro de campo, não é mesmo?

Vá lá que ele não seja uma maravilha em nenhuma delas.

Seja como lateral, volante ou zagueiro (!), Danilo é apenas OK.

Só que ele tem grife. E tem a idade a seu favor. Sobre isso, fico impressionado como os gringos amam nossos jovens jogadores e desconsideram alguns mais veteranos.

O mercado ($) explica…

E a tal polivalência parece ter iludido até mesmo o genial Guardiola, um dos grandes treinadores da minha geração, que pediu a sua contratação, mas hoje o coloca no banco na maioria dos jogos do milionário Manchester City.

Não que Danilo seja mau jogador.

Ele obviamente tem méritos por tudo que conquistou.

Mas o seu currículo é muito maior do que o seu futebol.

E, conhecedor de suas qualidades que sou, não posso deixar de opinar que a lateral-direita é um dos pontos fracos da nossa Seleção.

E segue o jogo.

9 comentários em: “O “fenômeno” Danilo

  1. Fraco. Assim como Ederson, Fernandinho e tantos outros. “Ah, mas o Guardiola pediu”. E assim caminha a mediocridade.

  2. Sinceridade nunca fui fã de Daniel Alves primeiro pela soberba e segundo quando a batata assa ele some. Se verificarem com critério jogos que o Barça sofreu , ele desapareceu . Na copa de 2010 quando o colocaram no lugar do Elano uma havia se machucado , nem escanteio conseguia bater . Muito status pra pouco jogador não é nunca foi e jamais será um Leandro . É um jogador razoável que.pela bola nas costas que toma.não fará nenhuma falta. O Danilo dará conta do recado.

Deixe sua opinião e colabore na discussão