Sampaooooolé

Créditos da imagem: Globo Esporte

Santos de Sampaoli coloca São Paulo na roda e confere novo status para o clube na temporada

Vá lá que foram apenas quatro jogos até aqui. Mas é fato que desde 2015, quando ainda podia contar com o quarteto ofensivo formado por Lucas Lima, Geuvânio, Gabigol e Ricardo Oliveira, que o torcedor santista não via o seu time jogar tão bem.

De maneira que é imperioso tratar Jorge Sampaoli como um grande acerto da diretoria na temporada, por mais prematura que essa constatação possa soar.

Além da parte tática (leia mais sobre o jogo contra o São Paulo AQUI), o comprometimento e a nova mentalidade do grupo de jogadores são fatores que chamam a atenção.

A aposta -alta e cara- está se pagando.

Ponto para a diretoria!

Tanto é assim que, imagino, até a dinâmica do clube nas contratações deve mudar. Explico: antes “Patinho Feio” nas negociações em razão de suas dificuldades financeiras e perdas recentes de jogadores, o Santos voltou a ser atraente. Afinal, quem não gostaria de participar de um time CANDIDATO a sensação do ano e ser treinado por um técnico de nível internacional como Sampaoli?

Veja que até para o presidente as tomadas de decisões prometem ficar mais tranquilas, no sentido de poder confiar que um determinado pedido do técnico deverá corresponder dentro de campo (estou me referindo à “herança maldita” de Gareca nos tempos de Palmeiras, risco que o Santos devia estar calculando, mas que agora deve analisar com menos reserva).

Há quem diga até que Vanderlei está mais motivado do que nunca depois de ver questionada a qualidade do seu jogo com os pés (quando as coisas dão certo, o que seria um desgaste, acaba se transformando em uma tacada de mestre! Ahhh, o futebol).

Com mais três contratações pontuais –um lateral-esquerdo, um meia para quando o “encanto” de Jean Mota acabar, e um camisa 9-, o Santos pode sim voltar a sonhar a ser protagonista no futebol brasileiro.

De qualquer forma, com Sampaoli, a monotonia é carta fora do baralho.

O Santos voltou a ser atração.

E segue o jogo.

4 comentários em: “Sampaooooolé

  1. Fica a pergunta, por qual motivo os treinadores do ano passado não fizeram esse time render? Praticamente o mesmo time, até pode se dizer que está mais fraco…
    Um treinador jovem e com potencial e um macaco velho com muita bagagem e títulos. Estamos tão atrasados assim, no quesito treinadores?

Deixe sua opinião e colabore na discussão