W3vina.COM Free Wordpress Themes Joomla Templates Best Wordpress Themes Premium Wordpress Themes Top Best Wordpress Themes 2012

Libertadores 2016: Estatístico projeta as chances de cada time considerando todas as “vias” possíveis

Sorteo-Copa-Libertadores

Créditos da imagem: Conmebol

Com a proximidade do fim do ano e do encerramento da temporada de futebol, começam as especulações sobre quem serão os representantes brasileiros na Copa Libertadores da América do ano seguinte. Um complicador nessa análise é o fato de existirem três vias possíveis de acesso ao torneio continental (o Campeonato Brasileiro, a Copa do Brasil e a Copa Sul-Americana) e dois “destinos” possíveis a que essas vias levam (a Primeira Fase, usual e erroneamente chamada de “Pré-Libertadores” e a Segunda Fase, popularmente identificada como “fase de grupos”).

Muitas dúvidas têm surgido com relação às diversas hipóteses de classificação (perguntas como, por exemplo, “o que acontece se o campeão da Copa do Brasil terminar no G-4 do Brasileirão?”) e muitos entendimentos equivocados têm surgido a esse respeito. Trata-se, porém, de um critério de fácil explicação, baseado em quatro passos, conforme demonstrado a seguir.

PASSO 1 – O Brasil tem direito a cinco vagas na Taça Libertadores (há quem raciocine com uma sexta vaga, mas essa só existe quando o detentor do título é brasileiro), assim identificadas:

BRASIL 1 – Campeão Brasileiro

BRASIL 2 – Campeão da Copa do Brasil

BRASIL 3 – Vice-campeão Brasileiro

BRASIL 4 – 3º colocado do Campeonato Brasileiro

BRASIL 5 – 4º colocado do Campeonato Brasileiro

PASSO 2 (se o campeão da Copa do Brasil estiver entre os quatro primeiros colocados do Campeonato Brasileiro) – se o campeão da Copa do Brasil também for o Campeão Brasileiro, este conserva a posição Brasil 1, os três colocados seguintes no Campeonato Brasileiro “sobem uma posição na fila” e o quinto colocado do Brasileirão conquista a quinta vaga:

BRASIL 1 – Campeão Brasileiro = Campeão da Copa do Brasil

BRASIL 2 – Vice-campeão Brasileiro

BRASIL 3 – 3º colocado do Campeonato Brasileiro

BRASIL 4 – 4º colocado do Campeonato Brasileiro

BRASIL 5 – 5º colocado do Campeonato Brasileiro

Por outro lado, se o campeão da Copa do Brasil for o segundo, terceiro ou quarto colocado do Campeonato Brasileiro, este mantém a posição Brasil 2, os times colocados atrás dele “sobem uma posição na fila” e o quinto colocado do Brasileirão assume a posição Brasil 5:

Tabela1

PASSO 3 (e o campeão da Sul-Americana?) – em qualquer das hipóteses acima, se o campeão da Copa Sul-Americana for um time brasileiro, este “rouba” a posição Brasil 5. A exceção acontece se o campeão da Copa Sul-Americana já estiver entre os cinco times classificados nos dois passos anteriores (ou seja, via Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil).

PASSO 4 (quem entra em qual fase?) – essa é a parte mais fácil: em qualquer hipótese, os times Brasil 1 a Brasil 4 se classificam diretamente à Segunda Fase (fase de grupos), enquanto o Brasil 5 disputará a Primeira Fase da Taça Libertadores de 2016.

O site Chance de Gol ajuda a administrar as diversas hipóteses, através do quadro de “Probabilidades Absolutas de Classificação para a Libertadores“. As probabilidades atuais, calculadas após o encerramento das quartas de final da Copa do Brasil e das oitavas de final da Sul-Americana, são:

Tabela2

CBF acaba com jogos às 11h. Mais uma vitória da desinformação
Palpites da 29ª rodada do Brasileirão 2015

Escrito por:

- possui 8 artigos no No Ângulo.

Marcelo Leme de Arruda é estatístico graduado e pós-graduado pela Universidade de São Paulo. Desde criança é aficionado por rankings, tabelas, fórmulas e outras maneiras de se quantificar o nível técnico de equipes de futebol e de competidores de esportes em geral.


Entre em contato com o Autor

5 respostas para “Libertadores 2016: Estatístico projeta as chances de cada time considerando todas as “vias” possíveis”

  1. Marcelo L. Arruda, parabéns pelo trabalho realmente diferenciado! Nunca tinha visto um estudo que cruzasse as possibilidades com as outras competições que classificam à Libertadores. Muito interessante!

  2. Vicente Prado (Coluna do Leitor) Vicente disse:

    Fiquei contente em verificar que o meu Santos tem mais de 50% de chance de estar na Libertadores do ano que vem, seja pela Copa do Brasil, seja pelo G4 do Brasileirão! =D

    Parabéns pela abordagem diferenciada!

  3. Alisson Rosty disse:

    Daí o Palmeiras toma 5 e fode com todos os cálculos kkk


Deixe um comentário

Enquete

Qual o maior técnico brasileiro dos últimos tempos?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

Colunistas

Emerson FigueiredoEmerson Figueiredo

Formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero. Redator, repórter, pauteiro e editor-assistente da editoria de Esportes da Folha. Trabalhou também na Folha da Tarde, Agora São Paulo, BOL, AOL e UOL. Paulistano, acompanha de perto o futebol desde a época em que os camisas 10 dos grandes times paulistas eram Pelé, Rivellino, Gérson/Pedro Rocha, Ademir da Guia e Dicá.

Gustavo FernandesGustavo Fernandes

Juiz de Direito do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, não resiste a um bom debate sobre esportes, desde futebol até curling. São-paulino, é fundador e moderador do Fórum O Mais Querido (FOMQ). Não esperem ufanismos e clichês. Ele torce, mas não distorce.

Jorge FreitasJorge Freitas

“Prata da casa” oriundo da Coluna do Leitor, este internacionalista é tão louco por futebol que tratou do tema até em seu TCC. Mestrando em Análise e Planejamento em Políticas Públicas, neste espaço une o gosto por escrever com a paixão pelo esporte mais popular do mundo.

Fernando PradoFernando Prado

Natural de Brasília, mas residente em São Paulo desde que se conhece por gente, é um apaixonado por esportes e pela “sétima arte”. Jornalista e advogado, busca tratar o futebol com a descontração que lhe é peculiar, com o compromisso da boa informação e opinião consistente.

José Maria de AquinoJosé Maria de Aquino

Em seus mais de cinquenta anos de carreira, teve passagem marcante pelos principais veículos de comunicação do país, de todos os tipos de mídia, como Rede Globo, SporTV, Revista Placar, O Estado de São Paulo, Jornal da Tarde e Portal Terra. Além de um expoente do jornalismo esportivo brasileiro, também é advogado de formação.

Gabriel RosteyGabriel Rostey

Nascido dias após a seleção de Telê encantar o mundo e não levar o caneco na Copa da Espanha, esse paulistano é especialista em política urbana. Com formação em gestão do esporte, também encara apaixonadamente o futebol como fenômeno cultural.

Fernando GaviniFernando Gavini

Jornalista há 19 anos, já cobriu Copa do Mundo, NBA, Nascar, Pan, Mundial de vôlei, Copa do Mundo de ginástica, Libertadores e as principais competições do futebol nacional. Começou no A Gazeta Esportiva, passou pelo site do Milton Neves, Agência Estado, Agora São Paulo, Terra, ESPN e está na TV Gazeta. A trabalho, conheceu 8 países, 18 estados do Brasil e mais de 100 estádios.

Assinatura por e-mail

Arquivos

©2017 No Ângulo - Todos os direitos reservados