Vingança do quê? De quem? Revisitando a infâmia de Rosário

Interessante a lembrança da Copa de 1978 por conta da decisão da Copa América. Mostra que o país nunca esqueceu um dos episódios mais nebulosos, que culminou com a constrangedora declaração, pelo saudoso Cláudio Coutinho (mais pelo trabalho no Flamengo Leia mais… »

Brasil x Peru: chegou a hora de acertar as contas de 1978

“Marmelada histórica” Até hoje a história está mal explicada. Tinha onze anos e foi a primeira Copa que acompanhei com atenção. Lembro-me do acontecido com muita nitidez. Além do mais, o que já li e acompanhei de reportagens sobre esse Leia mais… »

Ainda sobre a Copa do Lacre – terminando de cavar minha própria sepultura entre os politicamente corretos

A dona da outra Copa – ou “arque com sua escolha” Marta foi a grande personagem brasileira na Copa do Lacre. Bem mais do que na Copa do Mundo. Explique-se, Mironga. Em campo, o desempenho da monarca se resumiu a Leia mais… »

A eliminação brasileira na Copa Feminina e o que virá de pior com ela

As jogadoras fizeram mais que o esperado. Mas teria sido muito mais que o merecido. Não pelas atletas, mas pela realidade do futebol feminino no país, incluindo o falso apoio da mídia. A mesma emissora que transmitiu os jogos do Leia mais… »

A unanimidade de hoje é “da casa”

Everton Cebolinha está mostrando que os destaques “daqui” também podem ser úteis e que, no futebol, não há receitas prontas e definitivas Veja só, diante de uma “pseudo-constelação” que atua fora do país, a bola da vez, o nome que Leia mais… »