W3vina.COM Free Wordpress Themes Joomla Templates Best Wordpress Themes Premium Wordpress Themes Top Best Wordpress Themes 2012

Tango no Morumbi

ceni_san lorenzo

Créditos da imagem: Rede Globo

O San Lorenzo buscou como uma obsessão durante grande parte de sua história a Copa Libertadores que terminou conquistando na edição passada. Era o único time grande da Argentina que não havia conseguido ser campeão da América, e com o título de 2014 tiraram um importante peso das costas. Apesar disso, tudo o que veio depois foi ruim.

Nesta nova edição, o San Lorenzo buscará que essa síndrome de relaxamento pelo título do ano passado acabe de uma vez por todas. Foi uma das piores equipes argentinas no segundo semestre de 2014, e sua apagada atuação no Mundial de Clubes em Marrakesh, contra o Auckland City e o Real Madrid, deixou seus torcedores irritados com o elenco e a comissão técnica.

Para sair desse “cochilo”, o conjunto de Edgardo Bauza contratou bons jogadores como Franco Mussis, Matias Caruzzo e, principalmente, Sebastián Blanco, um volante ofensivo com muita qualidade e chegada ao gol.

A presença das duas equipes brasileiras no grupo do San Lorenzo significa um risco – pela qualidade tanto do Corinthians quanto do São Paulo – mas também traz boas recordações ao clube de Boedo, já que na campanha vitoriosa de 2014 venceu três times do país: Botafogo, Grêmio e Cruzeiro.

Ainda que falte muito, se quiser se classificar às oitavas-de-final, é importante não perder contra o São Paulo para seguir com vida. Como o San Lorenzo derrotou o Danúbio no Uruguai, e perdeu em casa para o Corinthians, é necessário pontuar hoje à noite no Brasil para poder definir em Buenos Aires.

O time chega com moral depois de vencer no domingo passado o Huracán por 3 x 1 no retorno do histórico clássico, que não era disputado há quatro anos porque o Huracán estava na Segunda Divisão.

Tanto a imprensa como os torcedores do San Lorenzo entendem que hoje é a partida chave do grupo, já que veem o Corinthians como o líder consolidado do grupo, e lutarão pela segunda colocação com o São Paulo. Os jogadores e a torcida esperam que a equipe consiga obter ao menos o empate. Na Argentina, surpreendeu a decisão da diretoria do São Paulo de oferecer dois ingressos na compra de um para levar mais gente ao Morumbi.

Os pontos fortes do San Lorenzo são os rápidos contra-ataques e o poder de gol de um cabeceador como Mauro Matos, além da experiencia do meia “Pipi” Romagnolli. Entretanto, tem problemas de marcação e seu técnico é criticado por ser cauteloso, meio defensivo.

Agora tem uma oportunidade ideal para reencontrar seu jogo após tomar fôlego no torneio local. O campeão vai pelo bicampeonato. Conseguirá?

Comentários Pré-Sorteio da Uefa Champions League
É Muricy?

Escrito por:

- possui 1 artigos no No Ângulo.

Colunista convidado. Jornalista da Argentina. Diretor e âncora do programa Orgullo Rojo. https://twitter.com/lobisao

Entre em contato com o Autor

6 respostas para “Tango no Morumbi”

  1. Valeu mesmo, Raphael!

    E como está escrito no “Quem somos”, quando quiserem escrever algo sobre futebol, é só mandar pra gente que, com o texto sendo aprovado pela equipe, vai ser publicado na mesma seção e com o mesmo destaque que o de qualquer colunista 😉

  2. Excelente site! Parabéns! Sucesso!

  3. Adorei o site, Gabriel Rostey! Serei leitora assídua! Parabéns!


Deixe um comentário

Enquete

Qual o maior técnico brasileiro dos últimos tempos?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

Colunistas

José Maria de AquinoJosé Maria de Aquino

Em seus mais de cinquenta anos de carreira, teve passagem marcante pelos principais veículos de comunicação do país, de todos os tipos de mídia, como Rede Globo, SporTV, Revista Placar, O Estado de São Paulo, Jornal da Tarde e Portal Terra. Além de um expoente do jornalismo esportivo brasileiro, também é advogado de formação.

Fernando PradoFernando Prado

Natural de Brasília, mas residente em São Paulo desde que se conhece por gente, é um apaixonado por esportes e pela “sétima arte”. Jornalista e advogado, busca tratar o futebol com a descontração que lhe é peculiar, com o compromisso da boa informação e opinião consistente.

Gabriel RosteyGabriel Rostey

Nascido dias após a seleção de Telê encantar o mundo e não levar o caneco na Copa da Espanha, esse paulistano atua e segue aprofundando estudos nas suas principais paixões: futebol e cidades. Especialista em gestão do esporte, como jornalista também encara o futebol como fenômeno cultural.

Gustavo FernandesGustavo Fernandes

Juiz de Direito do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, não resiste a um bom debate sobre esportes, desde futebol até curling. São-paulino, é fundador e moderador do Fórum O Mais Querido (FOMQ). Não esperem ufanismos e clichês. Ele torce, mas não distorce.

Jorge FreitasJorge Freitas

“Prata da casa” oriundo da Coluna do Leitor, este internacionalista é tão louco por futebol que tratou do tema até em seu TCC. Mestrando em Análise e Planejamento em Políticas Públicas, neste espaço une o gosto por escrever com a paixão pelo esporte mais popular do mundo.

Emerson FigueiredoEmerson Figueiredo

Formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero. Redator, repórter, pauteiro e editor-assistente da editoria de Esportes da Folha. Trabalhou também na Folha da Tarde, Agora São Paulo, BOL, AOL e UOL. Paulistano, acompanha de perto o futebol desde a época em que os camisas 10 dos grandes times paulistas eram Pelé, Rivellino, Gérson/Pedro Rocha, Ademir da Guia e Dicá.

Fernando GaviniFernando Gavini

Jornalista há 19 anos, já cobriu Copa do Mundo, NBA, Nascar, Pan, Mundial de vôlei, Copa do Mundo de ginástica, Libertadores e as principais competições do futebol nacional. Começou no A Gazeta Esportiva, passou pelo site do Milton Neves, Agência Estado, Agora São Paulo, Terra, ESPN e está na TV Gazeta. A trabalho, conheceu 8 países, 18 estados do Brasil e mais de 100 estádios.

Assinatura por e-mail

Arquivos

©2017 No Ângulo - Todos os direitos reservados