W3vina.COM Free Wordpress Themes Joomla Templates Best Wordpress Themes Premium Wordpress Themes Top Best Wordpress Themes 2012

Entre os paulistas, Santos e Palmeiras largam na frente em 2016

49ef4381-0201-4dd8-beb6-932e3de42274

Créditos da imagem: LANCE!NET

Futebol é um esporte de crédulos fieis. Todo início de ano, se renova aquele otimismo meio sem lógica.

Neste começo de 2016, a coisa está mais ou menos assim: os corintianos, que terminaram 2015 esbanjando superioridade, são agora os mais ressabiados, depois do rapa que os chineses fizeram no hexacampeão brasileiro. A esperança se dá mais pela confiança na competência de Tite e na possível chegada de um ou outro reforço de peso.

Os palmeirenses estão andando sobre as nuvens e com alguma razão: em 2015, não flertaram com os rebaixamentos e ainda ganharam um título nacional na base da raça sobre o favoritíssimo Santos. Com mais contratações, nenhuma bombástica, têm razão para sonhar.

Já o São Paulo é o caso mais gritante de otimismo. Perdeu Pato e Luís Fabiano, e trouxe reforços de eficiência duvidosa. Mas seus torcedores esbanjam uma confiança improvável, a mesma que os faz afirmar que, mesmo mal em 2015, o time ainda conseguiu vaga na Libertadores, o que é mais uma constatação do mau momento do futebol brasileiro do que de méritos do time.

Os santistas estão quietos. Viram que o gargantear do final do ano passado jogou contra. Estão com juízo. E por isso podem ser o perigo do começo da temporada.

É correto pensar que o sucesso é mais provável quando se mantém equipes vencedoras de um ano para outro do que quando se faz muitas contratações. Nesse aspecto, o Corinthians começa mal, por não ter mantido o time e não ter contratado. O São Paulo também parece mal por ter mantido o que sobrou do time e pelas contratações que fez. O Palmeiras tem que mostrar se as contratações no atacado são tão eficientes. O Santos perdeu atletas e não trouxe grandes reforços, mas pinta, ao lado do Palmeiras, como o mais promissor deste começo de ano.

E se Guerrero voltasse para o Corinthians?
Por um interior mais forte

Escrito por:

- possui 94 artigos no No Ângulo.

Formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero. Redator, repórter, pauteiro e editor-assistente da editoria de Esportes da Folha. Trabalhou também na Folha da Tarde, Agora São Paulo, BOL, AOL e UOL. Paulistano, acompanha de perto o futebol desde a época em que os camisas 10 dos grandes times paulistas eram Pelé, Rivellino, Gérson/Pedro Rocha, Ademir da Guia e Dicá.

Entre em contato com o Autor

23 respostas para “Entre os paulistas, Santos e Palmeiras largam na frente em 2016”

  1. Concordo com praticamente tudo. O CORINTHIANS é uma incógnita, mas não dá pra duvidar do trabalho de Tite. Ainda mais se considerarmos que um possível time formado por Cássio, Fagner, Vilson, Felipe e Uendel, Bruno Henrique (Willians), Elias, Danilo (Rodriguinho) e Marlone, Malcom (Romero) e Guilherme (pra mim, mais atacante do que meia) não é tão inferior ao dos adversários, está na média dos grandes brasileiros… O PALMEIRAS tem o desafio de tentar jogar bem… Por ter mantido a base e por ter Marcelo Oliveira desde o início do ano, pode ir melhor em 2016… O SANTOS perdeu Marquinhos Gabriel e Geuvânio, mas pode vir mais forte caso Robinho venha para preencher essa lacuna… Lucas Lima, Robinho, Gabigol e Ricardo Oliveira prometem fazer barulho nesse primeiro semestre… Já o SÃO PAULO é o único ponto que discordo do texto… Gosto da metodologia do Bauza (de não fazer rodízios, de fazer time compacto na defesa etc), além de seu bom currículo (duas vezes campeão da Libertadores). Gostei também da volta do Lugano e acho que as saídas de Ceni, Pato e Luís Fabiano podem dar uma oxigenada no clube. Sem falar nesse atacante argentino recém chegado que, dizem, é bom de bola. A conferir. 😉 Abs

  2. O SANTOS PRIMEIRO NÉ.

  3. Helton Romano disse:

    Mas esse Gabriel Jesus é fraquissimo! Até hoje estou procurando o futebol que dizem que esse garoto tem.

  4. Gabigol e muitos mais jogador…

  5. O corinthians nao vai esta atras de ninguem com o meio de campo com Wilians Guilherme Elias Marlone e um otimo meio de campo agora falta um zagueiro e um lateral no lugar do Wender

  6. CERTEZA QUE ESTE ANO CORINTHIANS CAI PARA SEGUNDA DIVISAO SE OS ARBITROS NAO O AJUDAREM.

  7. Leandro Silva disse:

    esse ano cai 6 no paulistão em!

  8. Guuh Alvees disse:

    Gabigol>>>>> Gabriel Jesus

  9. Ednaldo Naldo disse:

    Gabriel Jesus é melho

  10. dois fraco kkkkkkkkkkk

  11. João Felipe disse:

    Santos melhor e gaby gol também


Deixe um comentário

Enquete

Qual o maior técnico brasileiro dos últimos tempos?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

Colunistas

Gabriel RosteyGabriel Rostey

Nascido dias após a seleção de Telê encantar o mundo e não levar o caneco na Copa da Espanha, esse paulistano atua e segue aprofundando estudos nas suas principais paixões: futebol e cidades. Especialista em gestão do esporte, como jornalista também encara o futebol como fenômeno cultural.

Emerson FigueiredoEmerson Figueiredo

Formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero. Redator, repórter, pauteiro e editor-assistente da editoria de Esportes da Folha. Trabalhou também na Folha da Tarde, Agora São Paulo, BOL, AOL e UOL. Paulistano, acompanha de perto o futebol desde a época em que os camisas 10 dos grandes times paulistas eram Pelé, Rivellino, Gérson/Pedro Rocha, Ademir da Guia e Dicá.

José Maria de AquinoJosé Maria de Aquino

Em seus mais de cinquenta anos de carreira, teve passagem marcante pelos principais veículos de comunicação do país, de todos os tipos de mídia, como Rede Globo, SporTV, Revista Placar, O Estado de São Paulo, Jornal da Tarde e Portal Terra. Além de um expoente do jornalismo esportivo brasileiro, também é advogado de formação.

Gustavo FernandesGustavo Fernandes

Juiz de Direito do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, não resiste a um bom debate sobre esportes, desde futebol até curling. São-paulino, é fundador e moderador do Fórum O Mais Querido (FOMQ). Não esperem ufanismos e clichês. Ele torce, mas não distorce.

Jorge FreitasJorge Freitas

“Prata da casa” oriundo da Coluna do Leitor, este internacionalista é tão louco por futebol que tratou do tema até em seu TCC. Mestrando em Análise e Planejamento em Políticas Públicas, neste espaço une o gosto por escrever com a paixão pelo esporte mais popular do mundo.

Fernando PradoFernando Prado

Natural de Brasília, mas residente em São Paulo desde que se conhece por gente, é um apaixonado por esportes e pela “sétima arte”. Jornalista e advogado, busca tratar o futebol com a descontração que lhe é peculiar, com o compromisso da boa informação e opinião consistente.

Fernando GaviniFernando Gavini

Jornalista há 19 anos, já cobriu Copa do Mundo, NBA, Nascar, Pan, Mundial de vôlei, Copa do Mundo de ginástica, Libertadores e as principais competições do futebol nacional. Começou no A Gazeta Esportiva, passou pelo site do Milton Neves, Agência Estado, Agora São Paulo, Terra, ESPN e está na TV Gazeta. A trabalho, conheceu 8 países, 18 estados do Brasil e mais de 100 estádios.

Assinatura por e-mail

Arquivos

©2017 No Ângulo - Todos os direitos reservados