Corinthians e os números até Ago/21: longe demais das necessidades reais

O Corinthians segue com a boa prática de publicar informações financeiras bimestralmente. Ainda que elas não cheguem da melhor forma, com detalhamento suficiente para que possamos entender completamente o que se passa no clube, funcionam bem para termos uma visão Leia mais… »

Sylvinho é o maior responsável pela derrota para o Sport e também pela reconstrução corintiana

Antes de começar a análise sobre os erros de Sylvinho na derrota para o Sport, é bom reforçar que vejo o novato treinador como o maior responsável pela evolução do Corinthians até aqui. Embora a campanha não seja nada demais, Leia mais… »

A recusa de Renato Gaúcho à proposta do Corinthians foi boa para quem?

Por um lado, o técnico, olhando para seu presente, fez bem em recusar. Renato é o treinador brasileiro de maior reputação neste momento. Com a saída de cena de estrelas como Scolari, Parreira, Luxemburgo e Muricy, e Tite na seleção, Leia mais… »

Bem-vindo ao clube, Tiago Nunes?

Eduardo Baptista demitido do CSA. Mais um técnico outrora promissor virou dispensável – agora em terceiro escalão. Tal como Zé Ricardo, Jair Ventura e tantos outros, parece que começar com o pé direito nem sempre é bom sinal. Não raro, Leia mais… »

Foi-se o tempo de túmulo do samba: há três anos São Paulo é o túmulo do futebol

Palmeiras e Corinthians fizeram a mais lamentável final que já vi. Pobreza futebolística absoluta, covardia, falta de emoção (reservada apenas para o gol de Jô, a segundos do fim) e gols surgidos tão somente por causa de falhas individuais (liberdade Leia mais… »

O day after da mentira. Mais um.

Por conta de um pênalti convertido ou defendido, seria recontada a História. A volta por cima do veterano daria lugar ao triunfo do novo. Nenhuma das alternativas é correta. A decisão mais apropriada seria declarar o Paulistão sem vencedores. Isso Leia mais… »

Mata-mata e Corinthians – a conveniente casa mal-assombrada no Morumbi

3 de junho de 2000. Uma data especial e constrangedora para os são-paulinos. Especial, porque o time eliminou o Corinthians do Paulistão-2000. Constrangedora, porque foi a última vez que bateu o rival num mata-mata profissional. Neste século, o São Paulo não Leia mais… »