Quem diria: só a quarta força pode se salvar no melancólico ano dos paulistas

Créditos da imagem: Montagem / No Ângulo

Quem diria, em janeiro, que o Corinthians poderia ser o time paulista com os melhores resultados no ano? Considerado a quarta força do Estado, o Timão começou a temporada com Fabio Carille no comando, uma escolha feita mais por falta de dinheiro e opções do que por convicção. E não é que deu certo! Humilde, o treinador aceitou trabalhar com garotos da base e outros que amargaram tempos na reserva.

O clube ganhou a Copa São Paulo de Juniores e, surpreendentemente, se sagrou campeão paulista. O mais impressionante veio no primeiro turno do Brasileiro, com a melhor campanha da história do torneio. Mas, agora, o que era impensável, passou a ser obrigatório. Se não for campeão brasileiro, será acusado de fracasso. E aí as eliminações da Copa do Brasil e da Sul-Americana ficarão ainda mais pesadas.

O ano começou há nove meses com outras perspectivas. O Palmeiras iniciava sua caminhada para ser bi brasileiro e da Libertadores. Apostou no jovem Eduardo Baptista e gastou muito, sem critérios. O mais rico do país sofre por não ter laterais à altura. A impressão de que era imbatível ceifou rapidamente o técnico. Chegou o ídolo Cuca e…. nada. Hoje, o time se apega na esperança de conseguir reverter a situação no Brasileiro. O que é possível, mas muito difícil.
O São Paulo trouxe a novidade Rogério Ceni como técnico. Ganhou o torneio de pré-temporada em Miami e achou que marcaria época. E está marcando. Hoje, podemos dizer que talvez esta seja a pior temporada da história do clube. Ceni não teve sucesso e mostrou que ainda tem muito a aprender. Se fosse humilde, começaria pelas categorias de base. Mas não é o caso. Agora, o Tricolor luta desesperadamente contra o rebaixamento. Se não cair, sua torcida terminará 2017 aliviada. Nada mais do que isso à vista.

O Santos é um caso estranho. É evidente que possui um time muito bom. Mas tem santista dirigindo carro popular achando que está numa Ferrari. É um time naturalmente candidato a títulos nos torneios que disputa. Mas não tem vencido. Depende muito de Renato e Lucas Lima, dois craques que em breve deixarão a equipe. A eliminação diante do Barcelona de Guayaquil não foi zebra. Ainda mais com o time sem seus dois principais jogadores. Tem um bom elenco e um técnico competente. Precisa agora descobrir o que está faltando para transformar seu potencial em conquistas. Fica o consolo de ainda poder sonhar com o título brasileiro, torcendo, como todos os restantes, contra o Corinthians.

A Ponte Preta faz a campanha que lhe cabe bem. Não sonha com títulos, mas deve se manter na Primeira Divisão do Brasileiro e ostentar a condição de vice-campeã paulista.

Enfim, o Corinthians tem apenas 11 jogadores e muitas dívidas, mas está se dando bem, contra todas as previsões. É provável que, no final do ano, deve perder Fagner, Pablo, Balbuena, Arana, Gabriel, Maycon e Rodriguinho. Vai ter que se reinventar. O Palmeiras tem dinheiro, grande elenco e carências causadas pela falta de planejamento competente. O São Paulo tropeça na soberba mesmo quando está na zona do rebaixamento. Precisa se conscientizar de que seu grupo de jogadores talvez seja o mais fraco dos paulistas. E o Santos está diante do desafio de transformar um grupo competente em time vencedor.

E o Barcelona cover pode se orgulhar de ser o matador de paulistas. Sorte de Corinthians e São Paulo, que não precisaram enfrentar os surpreendentes equatorianos.

3 comentários em: “Quem diria: só a quarta força pode se salvar no melancólico ano dos paulistas

  1. Todos os paulistas em algum momento se animaram, e o ano vai sendo melancólico para todos, menos para o Corinthians POR ENQUANTO. Porque, se continuar como vem nos últimos jogos, tem tudo para ser um resto de ano dos horrores!

    Até a Ponte teve ilusões maiores que não se confirmaram…

  2. São Paulo achou que com o ídolo Ceni a coisa ia, e pode até cair!!! Palmeiras era o Real Madrid das Américas, não deu, pegou o Cuca e não deu também!!!!!!!!! Santos vinha decepcionando, mas parecia que na Libertadores ia se redimir, mas nada!!!!!!!!! Só falta o Corinthians conseguir perder esse Brasileirão, pra todos paulistas darem as mãos e se jogarem do precipício!!!!!!!!!!!!!!!!

Deixe sua opinião e colabore na discussão