Sobre algo que apenas o Santos pode fazer

Créditos da imagem: Soccer Legends

#EstrelaNegra

Para quem ainda não conhece, a ASSOPHIS (Associação dos Pesquisadores e Historiadores do Santos) é um modelo a ser seguido dentro do futebol brasileiro.

Resumidamente, trata-se de um grupo fechado composto por estudiosos do Santos Futebol Clube, torcedores, jornalistas e até (ex) jogadores que, juntos, através de suas trocas de ideias e relatos, só fazem engrandecer a história do clube.

Pois bem.

Isto posto, gostaria de ajudar a dar visibilidade a uma ideia que vi nascer no referido grupo que, de tão boa, compartilho nestas linhas:

Rodrigo Cafundó, torcedor do Alvinegro Praiano e confesso “Súdito do Rei”, sugeriu que o Santos faça algo que SOMENTE ELE (SANTOS) PODE FAZER NO MUNDO: declarar com toda pompa que o maior jogador de futebol que já existiu no planeta é “seu”!

E como eternizar isso? Rodrigo responde: literalmente estampando na camisa do clube uma Estrela Negra, em alusão a Pelé.

Ótima sacada, não?

Ou então, como sugeriu o incansável Wesley Miranda (administrador da ASSOPHIS), desenhar uma coroa em cima do escudo, já que o Santos é o time do “Rei”.

Ou, ainda, estampar de maneira definitiva em algum lugar da camisa a figura de Pelé dando o seu mundialmente reconhecido “soco no ar”, algo em que rapidamente pensei e que humildemente passou a ser a minha ideia favorita, tanto pela questão estética – há comemoração mais bonita e emblemática na história do futebol? – quanto pela maior facilidade de compreensão e consequente fortalecimento da marca – qualquer pessoa, de qualquer parte do mundo, compreenderia a ação realizada.

Enfim, seja qual fosse a escolha, o importante seria a homenagem, em vida, ao “Atleta do Século”. O que, por si só, já seria louvável.

E que, sob o ponto de vista da instituição, seria incrível para perpetuar a imagem de “futebol-arte” de sua mundialmente consagrada camisa branca.

Ora, que clube do mundo não gostaria de “ter um Pelé para chamar de seu”?

E segue o jogo.

8 comentários em: “Sobre algo que apenas o Santos pode fazer

  1. Isto tem que chegar na diretoria o mais rápido possível para eles colocarem já no novo uniforme que a Umbro esta fazendo

  2. Daqui a mil ou dois mil anos, falarão de “PELÉ” como falam hoje de Jesus… Será que existu, será que poderia um ser fazer tudo isso? ou alguém duvida?

Deixe sua opinião e colabore na discussão