Opinião: Ganso seria reforço de primeiro nível para qualquer equipe brasileira

Créditos da imagem: Foto: Mowa Press / Arte: Ricardo Zanei

Especulado no Flamengo, Santos e São Paulo, Ganso tem boas chances de repetir o sucesso de Gabigol em seu retorno ao futebol brasileiro

Seedorf, em 2013, cravou: “Ganso não tem intensidade para brilhar no futebol europeu”.

Dito e feito.

Nosso candidato a craque não desabrochou e passou praticamente despercebido pela Europa.

Mas não se deixe enganar. No futebol brasileiro, Paulo Henrique Ganso seria, sim, um “baita” reforço, como diria o outro.

A “linha do tempo” do virtuoso meia atuando por Santos e São Paulo não me deixa mentir: em 2010, o jogador viveu o seu ápice ao lado de Neymar e os demais “Meninos da Vila”; na conquista da Libertadores de 2011, ainda pelo Peixe, também teve participação decisiva; já pelo Tricolor, em 2014, foi um dos melhores jogadores do Brasileirão, atuando com Kaká. Em 2016, mais uma temporada de destaque com a camisa são-paulina antes da transferência para o Sevilla.

Logo, verifica-se que a memória seletiva é capaz de cometer injustiças, vez que Ganso não brilhou somente em 2010, como poderia alegar algum torcedor desavisado, e é nesse ponto que eu queria chegar: que deixemos o rancor e a vaidade de lado e tomemos como realidade (ainda que dura) o fato de que muitas peças que não servem acolá, podem ser bastante úteis por aqui.

Em terra de cego…

E segue o jogo.

Leia também:

Desvendando Gabriel Barbosa, o Gabigol

O que os gringos devem pensar do nosso futebol?

3 comentários em: “Opinião: Ganso seria reforço de primeiro nível para qualquer equipe brasileira

Deixe sua opinião e colabore na discussão