Euro é tudo de bom – a não ser por quem transmite

Sem Copa América para fingir que é coisa boa, a Globo resolveu destacar a Euro-2020 (em 2021 por tristes razões). Enquanto Gustavo Villani dava seu show de sensacionalismo no SporTV, pelo canal aberto a dupla Galvão e Casagrande comandou o Leia mais… »

Pedro – pra ir além da conversa fiada, só de avião.

As mesas redondas e programas de bate-papo esportivo são repletas de conversas rasas e bipolares. Há um mês, houve revolta com a titularidade de Pedro no lugar de Gabigol, elevado a Messi em território doméstico. Ontem, o mesmo Pedro já Leia mais… »

Aquele abraço…

O locutor André Marques soube, em cima da hora, que transmitiria com exclusividade televisiva* uma partida oficial da Seleção Brasileira. Habituado a narrar partidas de Série B para baixo, não raro confundiu jogadores. Neymar era Firmino, Firmino era Neymar e Leia mais… »

Jornalistas rasos formam torcedores rasos: onde vamos parar?

O futebol brasileiro vive uma crise. Fato indiscutível. Desde 2012, não ganhamos sequer um Mundial Interclubes. Mesmo com nossos clubes contando com orçamentos infinitamente maiores do que aqueles de países vizinhos, não logramos estabelecer uma hegemonia na Libertadores ou na Leia mais… »

Como descontar o desgosto com o nosso futebol em um dia de fúria contra a cobertura esportiva brasileira

Antes de tudo quero adiantar que o texto é muito mal-humorado e ranzinza. Mas vou desabafar, pois como se tomado pelo espírito de Seu Saraiva (ou do frequente colaborador Danilo Mironga), assistir à cobertura futebolística tem me estressado. Estamos mergulhados Leia mais… »