Tiago Nunes e quem não imaginou seus fracassos

Nos anos 1990, gostava de uma música chamada “Capitão de Indústria”, do Paralamas. Herbert cantava (?) “eu acordo pra trabalhar, eu durmo pra trabalhar, eu vivo pra trabalhar”. É o dia-a-dia de todos os que trabalham. No meu caso, acordo Leia mais… »

Sobre a foto de alguns clubes antes da súbita quarentena da bola

Março de 2020 – filmagens paralisadas Dizem que futebol é momento e a última impressão é a que fica. Mas como fica quando a última impressão acontece antes da metade? É a foto dos clubes brasileiros em 2020. Tivesse a Leia mais… »

Barrigada ao contrário

Apesar de ter sido decisivo na conquista da Copa União de 1987, o tetracampeonato brasileiro conquistado pelo cada vez mais hepta Flamengo, Renato Gaúcho ouvia vaias e impropérios toda vez que encarava a torcida rubro-negra no Maracanã. Até mesmo nos Leia mais… »

Alguém tem que ceder – ou perder

Imaginem uma luta entre adversários que tomam a iniciativa e buscam a luta franca. Normalmente um terá mais chances de chegar primeiro ao queixo do outro. Os lutadores sabem disso. Os técnicos sabem disso. Assim, precisam de um plano B, Leia mais… »

A melhor discussão (e o melhor jogo) que o futebol brasileiro poderia ter

Independentemente do que venha a acontecer na semifinal da Libertadores entre Grêmio e Flamengo, não há discussão que poderia ser mais benéfica para nosso futebol do que a proposta pelo malandro Renato Gaúcho: qual é o time de melhor futebol Leia mais… »